Descubra 7 Distúrbios Do Sono

Descubra 7 Distúrbios Do Sono

Dorme mal ou será que tem algum distúrbio do sono?

Os distúrbios do sono, denominados também como transtornos do sono, são muito frequentes e têm um impacto muito negativo na qualidade de vida e na saúde humana, pois aumentam a probabilidade de doenças cardiovasculares e cerebrovasculares.

Muitos de nós já sentimos dificuldades em adormecer, por causa de uma preocupação ou por outro acontecimento que nos faz passar uma noite mal dormida. Todavia, a permanência de noites mal dormidas e a falta de sono, não são normais quando começam a fazer parte da rotina.

Pessoas que têm um sono irregular e insuficiente tendem a viver com pouca saúde, estando sujeitas ao envelhecimento precoce, obesidade (carência da sensação de saciedade), diabetes, hipertensão arterial, perdas de memória, dificuldade na consolidação de conhecimento ou depressão.

Sabe o que é um distúrbio do sono?

Um distúrbio é uma perturbação de ordem, sossego e alteração de tranquilidade. Um distúrbio do sono tal como o próprio nome indica é uma alteração na capacidade de dormir, causando problemas na saúde quando não são tratados previamente.

7 Tipos de distúrbio do sono:

1. Insónia

 É o tipo de distúrbio do sono mais comum em Portugal, caracterizada pela dificuldade em adormecer, despertar noturnos, acordar muito cedo e pelo sono não reparador. Pode ter diversas origens como condições físicas, condições mentais ou outras patologias pré-existentes.

2. Apneia do sono

 É o distúrbio do sono caracterizado pela perturbação da respiração causada pela interrupção do fluxo respiratório, provocando pausas respiratórias, respiração irregular e engasgamentos.

Os principais sintomas são o cansaço ao acordar, sonolência diurna, falta de energia, irritabilidade, dificuldade de concentração e ressonar.

3. Sonambulismo

Consiste na ativação de áreas do cérebro, embora a consciência permaneça inativa. A pessoa desperta e inicia funções motoras, como caminhar.

4. Síndrome das pernas inquietas

Este distúrbio do sono diz respeito à desordem neurológica, a pessoa sente desconforto na hora de dormir e uma vontade incontrolável de movimentar as pernas.

5. Narcolepsia

Sonolência excessiva, acontece quando a pessoa tem dificuldade em manter-se acordado por sentir uma vontade insofreável de dormir, mesmo que esteja a realizar tarefas como comer, conduzir ou falar.

6. Bruxismo

Distúrbio do sono determinado pelo apertar e ranger dos dentes de forma involuntária durante a noite, provocando um desgaste nos dentes podendo afetar a saúde oral.

Condição patológica associada a ansiedade, stress ou frustração.

7. Paralisia do sono

Dificuldade ou mesmo incapacidade de se mover ou falar logo após acordar.

Qualquer um deste tipo de distúrbios do sono pode aparecer independentemente da idade, no entanto, as faixas etárias mais comuns são as idosas e infantis.

6 Atitudes preventivas:

Adote atitudes para melhor a qualidade do sono, este é fundamental para o bem-estar, por isso deve ser reparador e profundo. 

1. Crie uma rotina do sono, regularize a hora de deitar e acordar.

2.Faça uma higiene do sono. Trinta minutos antes de ir dormir, vá para uma divisão da casa com pouca luminosidade, sem telemóvel, coloque uma música calma e relaxe. Esta prática ajuda a induzir o sono.

3. Sempre que estiver na cama durante mais de 10 minutos sem dormir, levante-se e vá a outra divisão, faça uma atividade relaxante até ter sono.

4. Mantenha sempre a calma, o nervosismo é inimigo de todas as ocasiões.

5. Evite deitar-se tarde depois de uma noite mal dormida.

6. Não tome medicação não prescrita para dormir.

Os distúrbios do sono podem ter consequências graves para a saúde, se identificar-se com algum destes distúrbios de sono marque uma consulta com um especialista do sono para que a sua situação seja analisada e possa ser devidamente acompanhado.

Falar abertamente sobre os distúrbios do sono faz com que as pessoas reconheçam mais depressa os tipos de distúrbios existentes, percebam que mais pessoas sofrem do mesmo e que estes são tratáveis.

 

Deixar uma resposta

Todos os campos são obrigatórios

Nome:
Email: (Não publicado)
Comentário: